segunda-feira, maio 16, 2022
InícioMUSICAISO Uirapuru do Rock, musical criado por Roberto Medina em parceria com...

O Uirapuru do Rock, musical criado por Roberto Medina em parceria com Zé Ricardo terá direção artística de Charles Möeller e Claudio Botelho no Rock in Rio 2022

-

Um novo projeto tomará conta de uma das arenas olímpicas, na Cidade do Rock, durante o Rock in Rio 2022. O espaço ocupado pelo musical argentino “Fuerza Bruta” na edição passada, agora dará lugar a uma produção inédita e totalmente concebida e produzida pelo time criativo do Rock in Rio — um “Originals Rock in Rio”.

Com criação de Roberto Medina e direção musical de Zé Ricardo, o Rock in Rio dá vida ao espetáculo Uirapuru, um musical de 25 minutos que tem produção de Charles Möeller e Claudio Botelho.

Em o “Uirapuru”, o público pode aguardar muita tecnologia e sonoplastia similar aos musicais da Broadway para abraçar a mágica lenda de um pássaro. Conta a fábula que quem ouve seu canto, ao fazer um pedido, tem o desejo realizado. Uma história que fala de amor e de felicidade a partir de um jovem guerreiro que se apaixona pela filha de um cacique. Mas, como se trata de um amor proibido, eles não podem se casar e ele se transforma em um pássaro para que possa cantar e acompanhar os passos de sua amada. Um conto que leva e inspira o bem por onde passa e que conversa diretamente com a trajetória do pilar “Por um Mundo Melhor” do festival.

Para a construção deste espetáculo, Roberto Medina não economizou na produção e terá uma cachoeira artificial de 40 metros de extensão e cerca de 200 mil litros de água (reutilizável) utilizados por hora.

Para dar vida a este musical, o diretor Zé Ricardo compôs uma trilha sonora especial. A “Sou Uirapuru” foi gravada pela orquestra de Heliópolis, de São Paulo, e contou com nada menos que 70 músicos regidos pelo maestro Edilson Ventureli.

Os diretores dos famosos musicais capricharam nesta produção e seguiram a risca o pedido de Medina. Para garantir a atenção total do público, que, segundo eles, nem terá tempo de piscar durante os 25 minutos dentro da arena, Möeller e Botelho utilizarão 40 bailarinos e 30 músicos a cada sessão. Com eles, como num passe de mágica e acompanhados pela canção, o Uirapuru sobrevoará a plateia e arrepiará quem passar por ali com sua história.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

INSTAGRAM