Home / Cinema / 120 Batimentos por Minuto, nos cinemas

120 Batimentos por Minuto, nos cinemas

A epidemia da AIDS no inicio dos anos 90 é o tema do novo filme de Robin Campillo, “120 Batimentos Por Minuto”, que teve sua estrela mundial no prestigioso Festival de Cannes, um dos mais importantes festivais de cinema do mundo. Na ocasião, o filme saiu vencedor do Grande Prêmio do Júri, apesar das grandes apostas de que o filme seria o vencedor da Palma de Ouro, onde o júri era presidido por Pedro Almodóvar, já conhecido por apoiar as causas LGBT. Na coletiva de imprensa após a premiação, ao ser questionado sobre isso, Almodóvar relatou emocionado: “Eu amei esse filme. Não tem como eu ama-lo mais. Eu me emocionei do início ao fim, e depois disso. […] Esse júri é democrático e eu sou a nona parte dele. […] Campillo contou uma história sobre heróis, que salvaram muitas vidas.”.

Não foi apenas o júri que reconheceu a grandeza do filme na ocasião. “120 Batimentos Por Minuto” saiu com o prêmio de Melhor Filme pela crítica FRIPESCI, e levou a Queer Palm de Melhor Filme LGBT. O buzz ao redor do filme foi tão grande, que já era de se esperar que ele seria o representante da França para disputar uma vaga na categoria de Melhor Filme Estrangeiro no Oscar.

Baseado nas experiências do próprio diretor, o longa narra uma passagem da história do grupo ACT UP de Paris, que na época, intensificava seus esforços para que a sociedade reconhecesse a importância da prevenção e do tratamento em relação a Aids, que matava cada vez mais. O relacionamento sorodiscordante de Nathan (Arnaud Valois) e Sean (Nahuel Pérez Biscayart), guiará o espectador para as manifestações e reunião do grupo, e também para o universo diferente de cada um dos personagens coadjuvantes, tão cativantes quanto os protagonistas.

Robin Campillo nasceu no Marrocos em 1962. Em 1983, ele foi estudar na IDHEC, onde conheceu Laurent Cantent, e se tornou colaborador como co-roteirista dos filmes “Entre Os Muros da Escola”, que venceu a Palma de Ouro, “Foxfire” e “A Trama”.

Dirigiu seu primeiro longa-metragem em 2004, “Eles Voltaram”, e o segundo “Garotos do Leste” em 2015, vencedor do prêmio de Melhor Filme na Mostra Horizonte no Festival de Veneza, e indicado ao César Awards de Melhor Filme e Melhor Diretor.

A maturidade de seu terceiro filme chamou atenção da crítica e do público em vários países, e além de ser aclamado com avaliações positivas, o filme recebeu diversos prêmios como Melhor Filme Estrangeiro de associações de críticos americanos, incluindo as de Nova York e Los Angeles.

“120 Batimentos Por Minuto” chega aos cinemas dia 4 janeiro.

Em cartaz nos cinemas:

Aracaju: Vitória Kinema
Curitiba: Cineplex Shopping Novo Batel
Fortaleza: Cinema do Dragão
Goiânia: Lumière Banana Shopping
Londrina: Lumière Royal Plaza Shopping
Maceió: Cinearte Pajuçara – pré-estreia dia 06/01
Niterói: Reserva Cultural
Palmas: Lumière Palmas Shopping | Cine Cultura Palmas
Porto Alegre: Cine Guion Center | GNC Moinhos Shopping
Recife: Cinema do Museu
Rio de Janeiro: Estação Net Rio | Estação Net Barra Point | Estação Net Gávea | Cine Laura Alvim | Cine Joia
Salvador: Saladearte Cinema do Museu | Saladearte Cine Paseo
Santos: Cine Roxy Pátio Iporanga – pré-estreia dia 6/01
São Paulo: Reserva Cultural | Caixa Belas Artes | Cine Sesc

 

Ficha Técnica:

Título Original: 120 Battements Par Minute

Direção: Robin Campillo

Roteiro: Robin Campillo

Produção: Hugues Charbonneau and Marie-Ange Luciani

Fotografia: Jeanne Lapoirie Edição: Robin Campillo Música: Arnaud Rebotini Figurino: Isabelle Pannetier

Gênero: Drama País: França Ano: 2017 Duração: 144 Minutos Classificação: 16 anos

Elenco: Nahuel Perez Biscayart, Arnaud Valois, Adèle Haenel

Prêmios:

– Representante da França na disputa pelo Oscar de Melhor Filme Estrangeiro

– Grade Prêmio do Júri – Festival de Cannes 2017

– Queer Palm – melhor Filme LGBT – Festival de Cannes 2017

– Melhor Filme – Prêmio da Crítica FRIPESCI – Festival de Cannes 2017

– François Chalais Prize – Festival de Cannes 2017

– Melhor Filmes – Festival de San Sebastian

– Melhor Filme Estrangeiro – Los Angeles Film Critics Association

– Melhor Filme Estrangeiro – New York Filme Ciritics Circle

– Melhor Filme Estrangeiro – San Francisco Film Critics Circle 2017

– Melhor Filme Estrangeiro – Washington DC Area Film Critics Association

Sobre ArteView

Veja Também

Taron Egerton e Jamie Foxx aparecem em novas fotos de ‘Robin Hood’

A superprodução “Robin Hood”,  com direção de Otto Bathurst (de “Black Mirror”) ganhou novas imagens …

Deixe uma resposta